Pesquisando Fernando Pessoa ( 13/06/1888 - 30/11/1935 )  



AstrologiaLua Cheia (Clique para ver +) Tempo decorrido : 7 ano(s) 9 mes(es) 29 dia(s) 07/09 Pesquise 07 de Setembro /2012 Pesquise o ano de 2012 Brasil Emissão do selo 'A Força da Língua Portuguesa - Fernando Pessoa e Cruz e Sousa'
 




AstrologiaLua Crescente (Clique para ver +) Tempo decorrido : 5 ano(s) 4 mes(es) 2 dia(s) 04/03 Pesquise 04 de Março /2015 Pesquise o ano de 2015 Exposição Biblioteca Estados Unidos Inaugurada exposição sobre Fernando Pessoa na Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos
AstrologiaLua Minguante (Clique para ver +) Tempo decorrido : 5 ano(s) 24 dia(s) 12/06 Pesquise 12 de Junho /2015 Pesquise o ano de 2015 Biblioteca Portugal A Biblioteca Sophia de Mello Breyner Andresen, em Loulé, apresenta a obra de Fernando Pessoa.
AstrologiaLua Cheia (Clique para ver +) Tempo decorrido : 4 ano(s) 7 mes(es) 6 dia(s) 30/11 Pesquise 30 de Novembro /2015 Pesquise o ano de 2015 Biblioteca Portugal Biblioteca Nacional de Portugal integra, por doação, novo autógrafo de Fernando Pessoa.
AstrologiaLua Minguante (Clique para ver +) Tempo decorrido : 2 ano(s) 4 mes(es) 29 dia(s) 07/02 Pesquise 07 de Fevereiro /2018 Pesquise o ano de 2018 Exposição Espanha Exposição sobre Fernando Pessoa no Museu Rainha Sofia
 "La exposición Pessoa. Todo arte es una forma de literatura toma su título de una cita de Álvaro de Campos, uno de los heterónimos más vanguardistas de Fernando Pessoa (Lisboa, 1888-1935), publicada en la influyente revista portuguesa presença. A través de la prolífica producción textual de sus más de cien heterónimos, Pessoa creó una vanguardia propia y se convirtió en intérprete de excepción de la crisis del sujeto moderno y de sus certezas, trasladando a su obra una otredad múltiple que achacó a su desorientación existencial. "

AstrologiaLua Crescente (Clique para ver +) Tempo decorrido : 1 ano(s) 5 mes(es) 22 dia(s) 14/01 Pesquise 14 de Janeiro /2019 Pesquise o ano de 2019 Literatura Portugal Porto Editora esclarece sobre 'censura' ao poema 'Ode Triunfal', de Fernando Pessoa.
 "A diferença entre livro do professor e livro do aluno assenta no pressuposto de que cada docente tem um papel central na preparação e na organização das suas aulas, em função das características específicas de cada turma. Os professores conhecem as suas turmas e conhecem o poema integralmente, pelo que saberão também se têm ou não condições para abordarem os referidos versos com o tempo e o cuidado necessários, uma vez que podem, obviamente, constituir fator de desestabilização ou de desvio da atenção dos alunos. Por conseguinte, não há qualquer censura à obra de Fernando Pessoa, apenas e tão somente uma preocupação didático-pedagógica – seguida pela generalidade dos manuais existentes – que permite aos professores decidirem livremente sobre a abordagem mais adequada junto dos seus alunos."

Páginas 2 de 2 < 1 [2]


1999-2020 Ponteiro® - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução total ou parcial desta e de outras páginas. Os dados apresentados podem sofrer alterações sem qualquer aviso prévio. Apesar do zelo na coleta e manuseio de dados, o Ponteiro não se responsabiliza por eventuais imprecisões. Não apoiamos nenhum partido político. Política de privacidade: não coletamos ou divulgamos qualquer informação pessoal. Conteúdo isento de pornografia e outras bobagens, navegue sossegado e sem sustos :)
Hospedagem Multihost Made in Brazil Seu IP : 3.236.97.49