Pesquisando Leonel Brizola ( todos países )
Encontradas 55 ocorrências (0.0041311 %) Total de eventos  1,351,364
Mostrando de 36 até 55 ( Página 2 )Total de lançamentos  10,001,936


00/06/2001Pesquise o ano 2001 Tratamento de saúde Medicina Brasil Leonel Brizola é submetido a cirurgia de próstata  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Nova (Clique para ver +) Tempo decorrido : 20 ano(s) 1 mes(es) 2 dia(s) Idade nesta data : 82 ano(s) 4 mes(es) 30 dia(s) 21/06 Pesquise 21 de Junho/2004Pesquise o ano 2004 Morte Política Brasil Morte de Leonel Brizola  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Nova (Clique para ver +) Tempo decorrido : 20 ano(s) 1 mes(es) 23/06 Pesquise 23 de Junho/2004Pesquise o ano 2004 Brasil Corpo de Leonel Brizola segue para o Rio Grande do Sul (morreu em 21/06/2004)  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Nova (Clique para ver +) Tempo decorrido : 20 ano(s) 29 dia(s) 24/06 Pesquise 24 de Junho/2004Pesquise o ano 2004 Funeral Brasil Enterro de Leonel Brizola em São Borja - RS (morreu em 21/06/2004)  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Minguante (Clique para ver +) Tempo decorrido : 18 ano(s) 1 mes(es) 2 dia(s) 21/06 Pesquise 21 de Junho/2006Pesquise o ano 2006 Homenagem Política Brasil Senado realiza sessão em homenagem a Brizola  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola  
AstrologiaLua Crescente (Clique para ver +) Tempo decorrido : 17 ano(s) 1 mes(es) 24 dia(s) 29/05 Pesquise 29 de Maio/2007Pesquise o ano 2007 Exposição Fotografia Brasil Inauguração da exposição fotográfica 'Um Brasileiro Chamado Leonel Brizola' - Rio de Janeiro  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Crescente (Clique para ver +) Tempo decorrido : 16 ano(s) 10 mes(es) 3 dia(s) 20/09 Pesquise 20 de Setembro/2007Pesquise o ano 2007 Política Brasil Av. Presidente Kennedy passa a chamar-se Av. Leonel Brizola (Duque de Caxias-RJ)  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Cheia (Clique para ver +) Tempo decorrido : 16 ano(s) 6 mes(es) 1 dia(s) 22/01 Pesquise 22 de Janeiro/2008Pesquise o ano 2008 Brasil Missa lembra o 86º aniversário de Brizola  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
 "A memória de Leonel Brizola, que completaria 86 anos de vida na próxima terça-feira (22/1), será homenageada pelo Brasil afora com diversas iniciativas - entre elas missas na Catedral de Brasília, em Porto Alegre e na Igreja de São José, no Centro do Rio de Janeiro; além da solenidade em Duque Caxias, na Baixada Fluminense, para troca de nome da atual Avenida Presidente Kennedy para Leonel Brizola – por iniciativa dos deputados da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro. Inicialmente vetada pelo governador Sérgio Cabral, a proposta foi vitoriosa quando o veto do governador foi derrubado em plenário.
A missa na Catedral de Brasília, marcada para as 19 horas do dia 22/1, foi encomendada pela Executiva Nacional do PDT. Já a que será rezada no Centro do Rio de Janeiro no mesmo dia, às 11 horas da manhã e na Igreja de São José, ficará a cargo do capelão militar Milton Campos e será feita por encomenda da direção regional do PDT. Getúlio Vargas, em 1950, ao tomar posse na Presidência da República, antes, assistiu missa nesta mesma igreja – que fica ao lado da Alerj.
A solenidade para rebatizar de Leonel Brizola a Avenida Presidente Kennedy, em Caxias, decisão dos deputados fluminenses, terá caráter suprapartidário e está marcada para 10 horas da manhã do dia 22. O ato público contará com a presença, entre outros, do Líder do PDT na Alerj, deputado Paulo Ramos, e do deputado José Camilo Zito, ex-prefeito da cidade, autor da proposta da mudança. A solenidade se realizará em palanque montado em frente ao CIEP 32, Cora Coralina, na atual Avenida Presidente Kennedy.
O projeto de lei de Zito para mudança do nome da avenida encontrou forte resistência do atual Governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, que o vetou. Cabral argumentou que Brizola poderia ser homenageado 'em outras oportunidades', considerando inconveniente a troca de nome da avenida. Mas as bancadas da Alerj, reunidas, em solidariedade a Brizola e Zito, derrubaram o veto do governador em plenário. E aprovaram a mudança de nome da Avenida Presidente Kennedy para Avenida Leonel Brizola. Em Porto Alegre, além da exibição do documentário 'Tempos de Luta' na sede do PDT-RS, na rua Félix da Cunha, também será mandada rezar missa em memória de Brizola na Igreja de São Pedro, esta encomendada pelo militante pedetista Danilo Groff.
As homenagens a Brizola são extensivas a sua mulher, Neuza Brizola, que nasceu no dia 21 de janeiro e sempre celebrava o seu natalício junto com o marido."
Partido Democrático Trabalhista - PDT
AstrologiaLua Nova (Clique para ver +) Tempo decorrido : 16 ano(s) 14 dia(s) 09/07 Pesquise 09 de Julho/2008Pesquise o ano 2008 Brasil Jornalista F. C. Leite Filho lança biografia de Leonel Brizola em Brasília-DF  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Minguante (Clique para ver +) Tempo decorrido : 15 ano(s) 9 mes(es) 26 dia(s) 27/09 Pesquise 27 de Setembro/2008Pesquise o ano 2008 Homenagem Arquitetura e Engenharia Brasil Inauguração do Viaduto Leonel Brizola em Porto Alegre - RS  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Crescente (Clique para ver +) Tempo decorrido : 13 ano(s) 3 mes(es) 10 dia(s) 13/04 Pesquise 13 de Abril/2011Pesquise o ano 2011 Arquitetura e Engenharia Brasil Governo do Estado do Ceará entrega a terceira etapa do Conjunto Leonel Brizola.  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Minguante (Clique para ver +) Tempo decorrido : 13 ano(s) 2 mes(es) 26 dia(s) 27/04 Pesquise 27 de Abril/2011Pesquise o ano 2011 Morte Brasil Morte de Neusa ('Neusinha') Maria Goulart Brizola  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Nova (Clique para ver +) Tempo decorrido : 11 ano(s) 7 mes(es) 10 dia(s) 13/12 Pesquise 13 de Dezembro/2012Pesquise o ano 2012 Tratamento de saúde Medicina Brasil José Vicente Goulart Brizola é internado (morre em 28/12/2012)  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Cheia (Clique para ver +) Tempo decorrido : 11 ano(s) 6 mes(es) 25 dia(s) 28/12 Pesquise 28 de Dezembro/2012Pesquise o ano 2012 Morte Política Brasil Morte do ex-deputado federal José Vicente Goulart Brizola (filho de Leonel Brizola)  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Cheia (Clique para ver +) Tempo decorrido : 8 ano(s) 6 mes(es) 24 dia(s) 29/12 Pesquise 29 de Dezembro/2015Pesquise o ano 2015 Homenagem Política Brasil Presidente Dilma Rousseff sanciona lei que inclui Brizola no Livro dos Heróis da Pátria  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
 "Lei nº 13.229, de 28 de dezembro de 2015
Inscreve o nome de Leonel de Moura Brizola no Livro dos Heróis da Pátria e altera a Lei no 11.597, de 29 de novembro de 2007."
Publicado na Diário Oficial da União em 29/12/2015.
AstrologiaLua Minguante (Clique para ver +) Tempo decorrido : 7 ano(s) 1 dia(s) 22/07 Pesquise 22 de Julho/2017Pesquise o ano 2017 Morte Arquitetura e Engenharia Brasil Morte do arquiteto João Otávio, filho de Leonel Brizola.  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Minguante (Clique para ver +) Tempo decorrido : 1 ano(s) 1 mes(es) 10 dia(s) 13/06 Pesquise 13 de Junho/2023Pesquise o ano 2023 Inauguração Instituições Brasil Prefeitura de Maricá (RJ) inaugura o Campus da Educação Pública Transformadora Leonel Brizola  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
AstrologiaLua Nova (Clique para ver +) Tempo decorrido : 7 mes(es) 6 dia(s) 17/12 Pesquise 17 de Dezembro/2023Pesquise o ano 2023 Brasil Centro de Memória Trabalhista (CMT) do PDT lança o 'Baú do Brizola'  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
 "Leonel Brizola é a alma inspiradora dos trabalhistas. Seu legado é revisitado a todo instante em busca de respostas às mais sensíveis questões nacionais. Para impulsionar ainda mais essa fonte de conhecimento, o Centro de Memória Trabalhista (CMT) do PDT, braço da Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini (FLB-AP), está lançando o “Baú do Brizola” nas redes sociais, a partir deste domingo (17).
O projeto consiste em três publicações dominicais compartilhando o acervo do CMT sobre o líder máximo do Trabalhismo brasileiro. São imagens históricas – diálogos marcantes, momentos de luta pela democracia, governos, exílio –, além de santinhos de campanha, bótons, posicionamentos políticos e muito mais sobre a trajetória de Brizola na política nacional e internacional.
Brizola, que foi governador do Rio Grande do Sul e duas vezes do Rio de Janeiro, deixou um legado de profunda influência nas políticas sociais e educacionais do país. Seu compromisso com a educação, exemplificado pelo projeto dos Centros Integrados de Educação Pública (CIEPs), é parte integrante do “Baú do Brizola”.
O projeto se propõe a ser um espaço de reflexão e aprendizado. Ao disponibilizar os materiais, o “Baú do Brizola” busca inspirar novas gerações a compreender e valorizar a história política do Brasil. Esse acervo digital é uma ferramenta essencial para educadores, estudantes e todos os interessados na trajetória de um dos mais notáveis políticos brasileiros."
AstrologiaLua Minguante (Clique para ver +) Tempo decorrido : 3 mes(es) 16 dia(s) 07/04 Pesquise 07 de Abril/2024Pesquise o ano 2024 Brasil Estreia do documentário 'Brizola'  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
 "No cenário político brasileiro, poucos nomes ressoam com a força e o legado de Leonel Brizola. O documentário “Brizola”, dirigido por Marco Abujamra e produzido por Mariana Marinho, estreia neste domingo (7), trazendo à tona a vida e a luta do emblemático trabalhista. A obra é destaque no 29° Festival É Tudo Verdade e teve apoio do acervo reunido pelo PDT ao longo dos seus 44 anos de existência.
Com estreia marcada para às 16h, na Estação Net Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ), o documentário fornece uma reflexão sobre a construção da classe política brasileira e o ideal democrático, contribuídos ativamente por Brizola desde a primeira metade do século XX. A obra promete uma viagem pela história e uma lição de tolerância da diversidade política.
Através de um meticuloso trabalho de pesquisa, o Centro de Memória Trabalhista (CMT), braço da Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini (FLB-AP) do PDT, disponibilizou um acervo rico, incluindo revistas, livros, vídeos, entrevistas e fotos que se tornaram essenciais para a construção narrativa do documentário. O partido foi procurado pela produção do filme e se prontificou em colaborar, enxergando a obra como outro importante documento sobre a história do Trabalhismo."
AstrologiaLua Nova (Clique para ver +) Tempo decorrido : 1 mes(es) 16 dia(s) 07/06 Pesquise 07 de Junho/2024Pesquise o ano 2024 Homenagem Política Brasil Senado homenageia Leonel Brizola  Frases ( 14 ) de Leonel Brizola
 "Leonel Brizola ostentava um currículo político invejável. No Rio Grande do Sul, foi prefeito de Porto Alegre, deputado estadual, deputado federal e governador. No Rio de Janeiro, deputado federal e duas vezes governador. Ele disputou a Presidência da República em duas ocasiões. Na primeira, ficou em terceiro lugar. Candidatou-se a vice-presidente do país e acabou em segundo lugar. Criou uma agremiação política que existe até hoje, o Partido Democrático Trabalhista (PDT).
Brizola fez parte da vida pública brasileira em toda a segunda metade do século 20. O currículo político só não foi mais extenso porque ele, inimigo dos generais que tomaram o poder em 1964, passou os primeiros 15 anos da ditadura militar no exílio.
Faz 20 anos que o Brasil perdeu a voz indignada e combativa de Brizola. Vítima de enfarte, ele morreu em 21 de junho de 2004, aos 82 anos de idade.
Dos muitos episódios que protagonizou, o que o levou definitivamente aos livros de história foi a Campanha da Legalidade, em 1961. Não fosse essa iniciativa de Brizola, é provável que João Goulart (mais conhecido como Jango) jamais tivesse chegado à Presidência da República.
Logo após a renúncia do presidente Jânio Quadros, os três chefes das Forças Armadas decidiram vetar a posse de Jango, o vice, por considerá-lo excessivamente de esquerda e aliado dos comunistas — o mundo vivia o auge da Guerra Fria.
Governador gaúcho, Brizola imediatamente deflagrou em Porto Alegre uma reação armada, a Campanha da Legalidade, que garantiu, no fim, o cumprimento da Constituição e a posse do vice, impedindo o golpe de Estado.
Documentos da época guardados hoje no Arquivo do Senado, em Brasília, confirmam o papel central de Brizola.
Num discurso, o então senador Lima Teixeira (PTB-BA) resumiu:
— Leonel Brizola, numa das horas mais difíceis para a nacionalidade, quando estivemos a braços com uma das nossas maiores crises político-militares, deu-nos um exemplo edificante com a sua atitude desassombrada. Só não enveredamos pelo caminho errôneo das soluções extralegais graças a esse ilustre governador. Se ainda hoje continuamos nesta Casa [no Senado], devemos, em grande parte, à atuação de Sua Excelência. O governador Leonel Brizola alertou e preparou o povo riograndense para defender a legalidade, quaisquer que fossem as circunstâncias, se porventura tivéssemos descambado para uma solução que não a democrática.
Leonel Brizola era casado com Neusa Goulart, irmã de Jango. Os dois políticos gaúchos pertenciam ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), sigla ligada aos trabalhadores urbanos e aos sindicatos.
Diante do veto dos comandantes militares a Jango, Brizola se entrincheirou no Palácio Piratini, sede do governo do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, onde seu principal instrumento foi a voz. De lá, num estúdio de rádio improvisado, fez pronunciamentos transmitidos em todo o Brasil denunciando o golpe de Estado e convocando a população a não permitir a quebra da legalidade.
O Arquivo do Senado conserva trechos de um dos discursos radiofônicos:
— Povo de Porto Alegre, meus amigos do Rio Grande do Sul! Não desejo sacrificar ninguém, mas venham para a frente deste palácio, numa demonstração de protesto contra essa loucura e esse desatino. Venham. E, se eles quiserem cometer essa chacina, retirem-se, mas eu não me retirarei e aqui ficarei até o fim. Poderei ser esmagado. Poderei ser destruído. Poderei ser morto. Não importa. Ficará o nosso protesto, lavando a honra desta nação.
O governador conseguiu o apoio de militares de seu estado e também da população gaúcha, que pegou em armas e se dispôs a enfrentar as tropas federais que tentassem sufocar a resistência.
Do comando da Aeronáutica, partiram ordens — não cumpridas — para que o Palácio Piratini fosse bombardeado.
Ao fim de uma semana de crise e incerteza, Brizola teve sucesso. Cientes de que o Brasil mergulharia numa guerra civil se o governador continuasse resistindo, os militares resolveram aceitar Jango. Mas com uma condição: que ele, uma vez no Palácio do Planalto, não tivesse plenos poderes.
Desejando também evitar um banho de sangue e ao mesmo tempo garantir a posse do vice-presidente, um grupo de políticos liderados pelo mineiro Tancredo Neves articulou a adoção do parlamentarismo no Brasil. Jango seria, sim, presidente, mas a maior parcela do poder ficaria nas mãos de um primeiro-ministro."

Fonte: Agência Senado

Páginas 2 de 2 < 1 [2]

1999-2024 Ponteiro® - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução total ou parcial desta e de outras páginas. Apesar do empenho em manter as informações atualizadas e precisas, não fornecemos nenhuma menção ou garantia de qualquer espécie, expressa ou implícita, sobre a integridade, precisão, fiabilidade, adequabilidade ou disponibilidade no que se refere ao(s) website(s) ou às informações, produtos, serviços, ou imagens relacionados, contidos em nossas páginas para qualquer propósito. A confiança depositada nessas informações é, portanto, estritamente de sua própria escolha. Não apoiamos nenhum partido político. Política de privacidade: não coletamos ou divulgamos qualquer informação pessoal. Conteúdo isento de pornografia e outras bobagens, navegue sossegado :)
MultihostMade in Brazil44.192.44.30